COM A PALAVRA… RUGGERO DEODATO!

Ruggero Deodato

 “Eu faço o meu trabalho, e se acontecer de eu filmar uma cena que eu quero que seja cruel e violenta, desejo que seja o mais realista possível. Em todo caso, eu já disse que eu não faço crueldade gratuita, e que não era eu quem queria o abate de animais em Canibal Holocausto. Os índios comiam tartarugas e porcos. Então …”

 

Anúncios

Deixe um comentário

Arquivado em Com a palavra, Diretores, gore, Horror, splatter, Suspense, Thriller

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s